Promoção do meio ambiente

Além de promover um intenso Sistema de Gestão Ambiental, a Brasal Refrigerantes, empresa fabricante da Coca-Cola em Brasília, também desenvolve um programa interessante que visa despertar a consciência de preservação dos recursos naturais em seus funcionários

A empresa Brasal Refrigerantes, fabricante da marca Coca-Cola em Brasília, desenvolveu o Programa SISTEMA DA GESTÃO AMBIENTAL em 2001, com o objetivo de adaptar e desenvolver novas técnicas de controle do meio ambiente. Por meio dos requisitos do Manual da Qualidade de Bebidas e das iniciativas da Equipe de gestão ambiental, composto por funcionários de diversas áreas da empresa, os funcionários se reúnem para identificar os aspectos e impactos gerados pela Brasal Refrigerantes, fazendo vistorias nos setores, verificando os impactos, melhorando os processos, minimizando e eliminando gastos excessivos, conscientizando as pessoas da importância da preservação do meio ambiente, adotando tecnologias de custo-efeito e práticas gerenciais que não afetem o ambiente, garantindo a saúde e o bem estar das pessoas e do meio ambiente.

A Equipe de Gestão Ambiental participa de iniciativas e campanhas com ações práticas, que visam informar a responsabilidade ambiental da empresa, os impactos por ela gerada e o trabalho desenvolvido para minimizar e ou eliminar esses impactos, participando de reuniões do comitê comunitário do Riacho Fundo (cidade da periferia de Brasília) e da ONG Viverde (Grupo Viverde de Cultura e Meio Ambiente), além de apresentações e exposição na Semana da Engenharia Ambiental realizada pela Universidade Católica de Brasília e através do Programa de Visita a Fábrica.

Em 1997, foi adquirido o Sistema de Gerenciamento de Energia, com o objetivo de combater o desperdício de energia elétrica. O sistema vem apresentando eficientes resultados: no período de um ano onde houve 26,94% de ganho na eficiência de uso da energia. Um dos projetos consiste em reaproveitar a água proveniente do enxágüe de vasilhames não retornáveis. Assim, a água destinada à lavagem das garrafas não é eliminada e sim tratada e reutilizada no processo. A água da rinsagem das garrafas de pet e latas novas não são desperdiçadas, são coletadas, canalizadas para um reservatório próximo ao rinser e bombeadas para um reservatório geral. A água do reservatório geral é analisada e posteriormente bombeada para a caixa d’água no ETA para ser tratada e retornar ao processo. Por mês em média são reutilizados 700 m3 de água.

Todos os dejetos industriais são pré-tratados na própria empresa. O efluente gerado nos processos industriais passa por um pré-tratamento no ETDI antes de ser lançado na rede de esgoto, minimizando os impactos ambientais negativos na estação de tratamento da concessionária local. A Brasal Refrigerantes tem dentro da própria empresa uma área de reciclagem que é equipada com os maquinários com prensas, triturador de plástico e triturador de vidro. Os resíduos sólidos como lata, papelão, garrafa de vidro, garrafa de PET e rolhas plásticas, que são refugados no processo de fabricação são separados e recebem uma pré-reciclagem.

Garrafas de vidro e rolhas plásticas são separadas e trituradas em respectivos trituradores, os vidros triturados são armazenados em container, e o plástico triturado é armazenado em sacos. O papelão e as garrafas de Pet são separados e passam por uma prensa hidráulica que são armazenados em fardos, as latas são separadas em um contêiner. Desse modo, recolhe-se, separa-se e processa-se a matéria prima, que é vendida para indústrias de reciclagens. O dinheiro arrecadado com a venda desses resíduos é revertido em pagamento dos funcionários que trabalham na reciclagem e em programas motivacionais.

Além disso, os negociadores da Brasal Refrigerantes são treinados e orientados a dar preferência à compra de produtos fabricados total ou parcialmente de materiais reciclados, sendo que esses produtos devem atender aos requisitos atuais de desempenho, segurança, regulamentações e terem preços competitivos. Evitar a compra de produtos que contem CFC, PVC. Criar junto aos fornecedores oportunidades para reduzir o peso das embalagens novas e existentes, desde que não comprometa a segurança, qualidade e integridade dos produtos. Gerar oportunidades junto aos fornecedores de reciclar, combinar, recuperar e/ou reaproveitar os materiais e embalagens recebidos.

Por fim, são realizadas ações de conscientização dos funcionários, como a Semana do Meio Ambiente – considerado momento mais importante do processo de educação ambiental para os funcionários. No evento são exercidas atividades como debates, peças teatrais, palestras, concurso de desenho para os filhos dos funcionários, concurso de frases sobre o meio ambiente para os funcionários e stand de exposição das entidades envolvidas com o meio ambiente, como zoológico de Brasília, Semarh (Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos), Caesb (Companhia de Abastecimento de Água e Esgoto de Brasília), Reciclam (Associação dos Artesãos de Brasília), entre outros.


Site: www.cocacoladf.com.br

Também nessa Edição nº: 13
Perfil: Aloizio Mercadante
Entrevista: Tonico Pereira
Artigo: Ética na Administração e Responsabilidade Social do Administrador
Notícia: O que deu na mídia (Edição 13)
Notícia: Incentivo a grandes ações
Notícia: Ensino das letras