O que deu na mídia (edição 191)

app_sphere_news

Ban Ki-moon diz que combater a mudança climática é ‘questão moral’ – “Globo.com” – 28/04/2015

O secretário-geral das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, defendeu nesta terça-feira (28) no Vaticano que combater a mudança climática e seus efeitos é necessário para reduzir as desigualdades e que é “uma questão moral”. A fala ocorreu pouco depois de Ban se encontrar com o Papa Francisco. “Diminuir a mudança climática e se adaptar a seus efeitos é necessário para erradicar a extrema pobreza, reduzir a desigualdade e garantir um desenvolvimento econômico equitativo e sustentável. É por isso que eu digo que é uma questão determinante de nosso tempo”, disse. “A mudança climática está intrinsecamente vinculada à saúde pública, à segurança da água e dos alimentos, aos movimentos migratórios e à paz e à segurança. É uma questão moral. Uma questão de justiça social, direitos humanos e ética fundamental”.

Câmara aprova regulamentação de uso comercial da biodiversidade – “Globo.com” – 28/04/2015

A Câmara dos Deputados aprovou nesta segunda-feira (9) o projeto de lei que facilita o acesso ao patrimônio genético de plantas e animais do país, bem como de conhecimentos indígenas e tradicionais associados. O texto, que regula a exploração da biodiversidade brasileira, agora segue para sanção presidencial. Apresentado pelo Executivo em 2014, o projeto foi aprovado pela primeira vez na Câmara em fevereiro. No Senado, recebeu 23 emendas que alteraram o texto. Por isso, teve que voltar a ser analisado pelos deputados. O plenário da Câmara validou 12 emendas formuladas pelos senadores, mas derrotou um trecho que previa maior proteção e recursos a povos indígenas, quilombolas e agricultores familiares.

Pinguelli: Brasil cumprirá meta de redução de dióxido de carbono para 2020 – “EBC” – 29/04/2015

O diretor do Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppe/UFRJ), Luiz Pinguelli Rosa, disse na terça-feira (28) que o Brasil vai conseguir cumprir a meta voluntária de redução de gás carbônico (CO²) divulgada às vésperas da Conferência sobre Mudanças Climáticas de Copenhague (COP 15). A Coppe já formou mais de 12 mil mestres e doutores em 12 programas de pós-graduação (mestrado e doutorado). Ela têm 325 professores doutores em regime de dedicação exclusiva, 2.800 alunos e 350 funcionários. A afirmação foi feita durante a solenidade de abertura do 3º Congresso Brasileiro de CO², promovido pelo Instituto Brasileiro do Petróleo, Gás e Biodiversidade (IBP), no Hotel Windsor Atlântico, em Copacabana, no Rio de Janeiro.

Em meio à crise, Sabesp vendeu água do Cantareira com desconto a grandes empresas – “Rede Brasil Atual” – 29/04/2015

Mesmo com a situação do Sistema Cantareira se agravando, a Sabesp forneceu até 782 milhões litros de água deste manancial por meio de contratos de demanda firme entre janeiro e dezembro de 2014. Nesta modalidade, grandes empresas recebem descontos de até 75% nas tarifas – em relação aos usuários comuns que pagam R$ 13,97 por mil litros – para consumo de pelo menos 500 litros de água por mês. A companhia firmou 16 novos contratos de demanda firme com uso de água daquele manancial, sendo cinco exclusivos e 11 em conjunto com outros reservatórios, durante o ano de 2014, segundo dados enviados pela Sabesp à Agência Pública. O total de água contratada nestes 16 novos acordos no Sistema Cantareira foi de 120 milhões e 695 mil litros de água, correspondente a 55% do total contratado em 2014. Seria o suficiente para o abastecimento diário de pouco mais de um milhão de pessoas, segundo cálculos da ONU.

Polícia Ambiental multa homem em R$ 5 mil por manter aves em cativeiro – “Globo.com” –  29/04/2015

A Polícia Militar Ambiental de Lins (SP) multou em R$ 5 mil um homem por ter pássaros silvestres em cativeiro sem autorização ambiental, durante policiamento ambiental rural pela cidade de Guaiçara na terça-feira (28). O flagrante foi no Bairro Cohab Cris. Durante vistoria no interior de uma casa, os policiais ambientais localizaram 11 (onze) pássaros silvestres em cativeiro, 03 (três) coleirinhos papa capim, 05 (cinco) canários da terra verdadeiro, 02 (dois) tico-tico e 01 (um) sabiá poca, todos sem autorização ambiental para manutenção em cativeiro. O proprietário, um homem de 50 anos recebeu da Polícia Ambiental auto de infração ambiental pelo cativeiro dos pássaros sem autorização.

EUA serão exemplo na luta contra mudanças climáticas, diz John Kerry – “Globo.com” – 29/04/2015

Os Estados Unidos vão dar o exemplo na luta contra as mudanças climáticas, garantiu o secretário de Estado, John Kerry, reafirmando que a pauta é prioridade na política externa americana. “O Departamento de Estado e os Estados Unidos servirão como exemplo para o mundo, a fim de (termos) um planeta mais seguro”, disse John Kerry, em artigo de opinião publicado nesta terça-feira (28) no jornal “The Hill”, por ocasião do lançamento do relatório quadrienal de seu ministério sobre as grandes linhas da diplomacia norte-americana. Os Estados Unidos são o segundo maior emissor de gás de efeito estufa, atrás da China.

Ciência, igreja e Estado se unem para pedir ambição no clima – “IHU” – 30/04/2015

As preocupações e orações dos líderes religiosos em todo o mundo estão em sintonia com os alertas dos cientistas: a mudança climática global é real e pode comprometer a justiça social e a paz. Esses dois magistérios, que geralmente não se bicam, afirmaram nesta terça-feira, durante um seminário no Vaticano, que a conferência do clima de Paris é provavelmente a última oportunidade de frear o aumento de temperatura da Terra. A reportagem é de Cíntya Feitosa, publicada por Observatório do Clima, 29-04-2015. O evento, aberto pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, foi organizado por um conjunto de instituições religiosas, como a Pontifícia Academia de Ciências e a Pontifícia Academia das Ciências Sociais, teve participação de acadêmicos, políticos e líderes religiosos.

Relator da ONU vê risco de violação dos direitos humanos na crise em SP – “Estadão” – 30/04/2015

O relator das Nações Unidas para Água e Saneamento, Leo Heller, disse na quarta-feira (29) que a crise de abastecimento de água no estado de São Paulo põe em risco o cumprimento dos direitos humanos, em relação ao acesso ao líquido. Heller reuniu-se nesta quarta-feira com organizações da sociedade civil, na capital paulista, para colher informações sobre a crise de abastecimento. “Tenho certeza que esse é um problema muito relevante, que tem muitos riscos de violação dos direitos humanos. Eu não quero afirmar que eles já estão sendo violados, para não ser leviano, mas muitos depoimentos indicam nessa direção. Atinge número expressivo de pessoas, pode ter enormes repercussões na vida dessas pessoas, no seu bem-estar e nos vários direitos humanos que essas pessoas têm”, disse ele, após audiência na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), organizada pela Aliança pela Água – rede formada por quase 50 entidades.

Novo plano da OMS indica que agência quer zerar casos de ebola – “Ambiente Brasil” – 30/04/2015

A Organização Mundial da Saúde publicou nesta semana um plano para lutar contra o ebola, com o objetivo especial de identificar as cadeias de transmissão do vírus para atingir um nível zero de contágio. “Ainda há um esforço considerável a ser feito para quebrar todas as cadeias de transmissão nos países afetados e impedir a propagação da doença em países vizinhos e reativar de maneira eficaz os serviços básicos de saúde”, destaca o plano estratégico de 28 páginas da OMS. Segundo os últimos dados da OMS, 26.300 pessoas foram infectadas na epidemia da febre hemorrágica, que já matou 10.900 pessoas, principalmente em três países: Guiné, Libéria e Serra Leoa. O relatório enfatiza que o esforço “sem precedentes” lançado no verão passado reduziu significativamente a escala da epidemia, com apenas algumas dezenas de casos por semana desde o início do ano – contra até 800 por semana em outubro de 2014.

Califórnia emite ordem executiva para reduzir emissões de efeito estufa – “Terra.com” – 30/04/2015

O governador da Califórnia (EUA), Jerry Brown, emitiu nesta quarta-feira uma ordem executiva com a qual pretende reduzir as emissões de gases do efeito estufa em 40% abaixo dos níveis de 1990. O alvo é alcançar esta meta para o ano 2030, especificou Brown em comunicado. Anteriormente, o governo do ex-governador Arnold Schwarzenegger se propôs alcançar os níveis de 1990 para o ano 2020, e 80% abaixo para 2050. “Com esta ordem executiva, a Califórnia estabelece uma marca muito alta para si mesma e outros estados e nações, mas é um objetivo que deve ser alcançado por esta geração Y e as vindouras”, apontou Brown. Desta forma, Brown alinha os objetivos da Califórnia com os estabelecidos pela União Europeia (UE) e mantém vigente a meta do estado de reduzir drasticamente as emissões de efeito estufa para 2050.

Ibama tem mil metros cúbicos de madeira apreendida para doação – “Globo.com” – 30/04/2015

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) em Santarém, oeste do Pará,  tem mil metros cúbicos de madeira em toras para doação. A madeira ilegal, apreendida em fiscalizações, está no depósito do instituto e aguarda decisão judicial para ser entregue. Em reunião nesta quarta-feira (29), a Defesa Civil de Santarém solicitou a doação da madeira em tora para destinar aos comunitários da região de várzea que necessitam do material para levantar assoalhos das casas e construir pontes por causa da cheia do rio. “Em 2014, atendemos 428 famílias e estamos querendo dar prosseguimento este ano para poder ajudar essas pessoas da região ribeirinha”, destacou o coordenador do órgão municipal, Darlison Maia.

Projetos de proteção ambiental no Brasil e Colômbia levam prêmio britânico – “Terra.com” – 30/04/2015

A colombiana Rosamira Guillén e o francês Arnaud Debiez receberam nesta quarta-feira o prêmio britânico Whitley, estimado em 54.000 dólares, por projetos de preservação do sagui-cabeça-de-algodão na Colômbia e do tatu-canastra no Brasil. O prêmio, um dos maiores do mundo em seu campo, foi entregue a eles na Sociedade Real de Geografia em Londres pela princesa Anne, filha da rainha, patrona da Fundação Whitley. Além disso, outros projetos de conservação foram premiados na Índia, Nigéria e Filipinas.

Abertas as inscrições para a Virada Sustentável 2015 – “Envolverde” – 01/05/2015

Estão abertas as inscrições para atrações, atividades e conteúdos da quinta edição da Virada Sustentável, que acontece entre os dias 27 e 31 de agosto em diferentes locais da Grande São Paulo. As inscrições para o evento deste ano seguem até o dia 31 de maio, no site da Virada. Em formato de edital, as inscrições são abertas a artistas e grupos de diferentes modalidades (teatro, cinema, música, fotografia, artes plásticas etc.), organizações da sociedade civil, coletivos e movimentos sociais, entidades e escolas, cujos projetos tenham como conteúdo principal um ou mais temas relacionados a sustentabilidade, tais como consumo consciente, água, biodiversidade, mudanças climáticas, mobilidade urbana, cidadania e inclusão social, entre outros.

Câmara aprova fim do símbolo de transgênicos nos rótulos – “Greenpeace” – 01/05/2015

A Câmara dos Deputados aprovou ontem o Projeto de Lei (PL) 4148/08, de autoria do Dep. Luis Carlos Heinze (PP-RS), que altera a legislação de rotulagem para transgênicos, existente desde 2003. Com a nova lei, apenas produtos que apresentem mais de 1% de transgênicos em sua composição final precisam ser rotulados e o símbolo do “T” preto em triângulo amarelo deixa de ser obrigatório. Na prática, isso significa que a maior parte dos produtos que hoje são rotulados, garantindo aos consumidores brasileiros o direito à informação e escolha, não precisam mais exibir essa informação no rótulo, mesmo que tenham sido fabricados com matéria-prima 100% transgênica.

Câmara retrocede e marco legal da biodiversidade reduz direitos – “WWF” – 01/05/2015

Foi um retrocesso para os povos indígenas e comunidades tradicionais detentores de conhecimentos e provedores de biodiversidade. Na madrugada desta quarta-feira, 28/4, a Câmara dos Deputados rejeitou as principais emendas feitas pelo Senado ao projeto de lei 7735/14, do Poder Executivo, conhecido como “novo marco legal da biodiversidade” e que trata sobre os recursos genéticos e conhecimentos tradicionais associados à biodiversidade e agrobiodiversidade. Os deputados – em sua maioria da bancada ruralista – foram implacáveis. Excluíram 11 emendas que garantiam o essencial do ponto de vista dos direitos dos povos tradicionais, afrontando princípios da Convenção da Biodiversidade das Nações Unidas – CDB e da Constituição Federal, ambos mecanismos legais sacramentados ali mesmo naquele plenário.

Mais de 80% do desmatamento futuro estarão concentrados em apenas 11 lugares – “WWF” – 01/05/2015

Onze lugares do mundo – dos quais 10 estão localizados na região tropical – serão responsáveis por mais de 80% da perda mundial de florestas até 2030, de acordo com uma pesquisa divulgada hoje pela Rede WWF. Até 170 milhões de hectares de florestas poderão desaparecer entre 2010 e 2030 nessas “frentes do desmatamento”, caso se mantenha a tendência atual, segundo as descobertas reveladas no último capítulo da série Relatório Florestas Vivas, da Rede WWF. Essas frentes estão localizadas na Amazônia, na Mata Atlântica e no Grande Chaco (Bolívia, Paraguai e Argentina), em Bornéu, no Cerrado, no Choco-Darien (no Oeste do Equador), na Bacia do Congo, na África Oriental, no Leste da Austrália, no Grande Mekong, na Nova Guiné e em Sumatra.

Brasil quer imunizar 49 milhões contra a gripe; vacinação inicia dia 4 – “Globo.com” – 01/05/2015

Começa na próxima segunda-feira (4) a campanha nacional de vacinação contra a gripe, com a distribuição de 54 milhões de doses para os chamados “grupos prioritários”. Segundo o Ministério da Saúde, foram investidos R$ 487 milhões na ação, que segue até 22 de maio. Fazem parte do grupo vulnerável as crianças de 6 meses a menores de 5 anos, doentes crônicos, idosos com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, povos indígenas, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, presos e funcionários do sistema prisional, além da população indígena. A meta deste ano é imunizar 49 milhões de pessoas. Em 2014, 44,3 milhões receberam a vacina, o equivalente a 86,7% do total previsto pelo ministério.

Acordo climático de Paris precisa reforçar novo fundo da ONU, diz diretora – “Reuters” – 01/05/2015

O novo acordo global sobre a mudança climática, que deve ser firmado em Paris em dezembro, precisa abrir caminho para um aumento ambicioso no financiamento para os países em desenvolvimento, à medida que aumentam os gastos relacionados ao clima, afirmou a diretora do principal fundo climático da ONU. Muitos países veem o reforço do nascente Fundo Clima Verde (GCF, na sigla em inglês) como fundamental para o acordo, disse Héla Cheikhrouhou, diretora-executiva do fundo, à Thomson Reuters Foundation em entrevista. “A clareza sobre o caminho do crescimento no nível de recursos financeiros por meio do Fundo Clima Verde será um ingrediente essencial de um acordo bem-sucedido”, disse Héla na Coreia do Sul, onde o fundo está sediado.

Mudanças climáticas ameaçam extinguir 1 em 6 espécies – “BBC” – 01/05/2015

Uma em cada seis espécies pode ser extinta se nada for feito para reverter mudanças climáticas, de acordo com analistas. Se as emissões de carbono continuarem no ritmo atual e as temperaturas subirem 4 graus até 2100, 16% dos animais e vegetais se perderão, segundo a pesquisa. O estudo, publicado na revista científica Science, mostra que os riscos são maiores na América do Sul, Austrália e Nova Zelândia. Mark Urban, da Universidade de Connecticut, nos EUA, analisou dados de 131 estudos específicos sobre risco de extinção devido à mudança climática. Alguns deles haviam sugerido que as mudanças climáticas poderiam afetar até 54% das espécies – outros diziam que quase nenhuma seria afetada. Urban descobriu que, a cada grau que a temperatura aumenta, a taxa de perda de biodiversidade acelera.

Brasil e Coreia assinam acordo de cooperação em gestão ambiental – “Ambiente Brasil” – 02/05/2015

Os ministérios do Meio Ambiente do Brasil e da Coreia do Sul firmaram acordo de cooperação bilateral, para buscar soluções compartilhadas de conservação e de gestão ambiental. Uma das ações é a chamada pública para seleção de consórcio intermunicipal que atue na gestão de resíduos sólidos, para sediar projeto na região sob sua jurisdição. O prazo para participar encerra-se em 13/05. O documento de bilateralidade foi instituído durante a visita da presidente Coreana, Park Geun-hye, ao Brasil, neste mês. A assinatura do Memorando de Entendimento prevê intercâmbio sobre o desenvolvimento de políticas, de sistemas e de tecnologias ambientais, além da possibilidade de criação de projetos nas áreas de conservação da biodiversidade, mudança do clima, monitoramento, controle da poluição atmosférica, gestão da qualidade da água, saneamento básico, resíduos sólidos e aproveitamento energético.

Japão planeja reduzir em 26% as emissões de gases do efeito estufa – “Terra.com” – 02/05/2015

O Japão estuda reduzir em 26% as emissões de gases do efeito estufa até 2030, pensando em um acordo internacional na conferência sobre o clima de dezembro em Paris, anunciou o governo. A meta, proposta por uma comissão de especialistas, é superior ao que já havia sido citado, uma redução de 21,9% das emissões entre 2013 e 2030. O número de 26% não é definitivo e será debatido durante um mês. A imprensa considera provável que o primeiro-ministro Shinzo Abe anuncie oficialmente a meta durante a reunião de cúpula do G7 na Alemanha no fim de junho. Os ecologistas consideram pouco ambicioso o objetivo fixado e afirmam que, na realidade, a redução de 26% na comparação com 2013 equivale a uma diminuição de 17% quando se leva em consideração o nível de 1990.

Biodiversidade e Florestas ganha nova secretária no Ministério do Meio Ambiente – “Planeta Sustentável” – 02/05/2015

A bióloga Ana Cristina Barros é a nova secretária de Biodiversidade e Florestas do Ministério do Meio Ambiente. O anúncio foi feito no dia 27/4, pela ministra Izabella Teixeira. Formada em Ecologia pela UFRJ, Ana trabalhou junto ao governo brasileiro na análise e proposição de políticas públicas que conciliam desenvolvimento e conservação. A especialista foi representante nacional da ONG The Nature Conservancy no Brasil e consultora do Forest Stewardship Council. Também trabalhou na Amazônia pela redução do desmatamento e do controle de queimadas. Ao todo, são 25 anos dedicados a trabalhos relacionados à meio ambiente e desenvolvimento sustentável.

Cosméticos que contaminam o mar – “Terra.com” – 02/05/2015

Utilizar um gel esfoliante não só envolve limpar o rosto para eliminar impurezas, mas também jogar pelo ralo restos de plásticos microscópicos, componente habitual de cosméticos que acaba poluindo ecossistemas marítimos. Os microplásticos são partículas fáceis de produzir que a indústria usa para substituir algumas substâncias naturais e dar certas propriedades ao produto, explicou à Agência Efe o especialista em proteção do meio marinho, Peter Kershaw. “A maioria das pessoas não se dá conta do lixo que está atirando no oceano quando escova os dentes ou usa esfoliantes e outros cosméticos”, afirmou.

Alunos da USP São Carlos ajudam a mapear as áreas destruídas no Nepal – “Globo.com” – 02/05/2015

Pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP), em São Carlos (SP), estão ajudando as vítimas do terremoto de Katmandu, no Nepal. Graças à internet, eles conseguem superar a distância de mais de 15 mil quilômetros e contribuem com o mapeamento das áreas afetadas pelo tremor. Em parceria com a Universidade de Heidelberg, na Alemanha, foi desenvolvido um novo sistema que orienta a melhor logística para que a ajuda humanitária possa fazer resgates, levar comida aos desabrigados e atender a população. Na tarefa, o grupo utiliza a rede de mapeamento OpenStreetMap. Cada voluntário fica responsável por um quadradinho, o correspondente a uma área de um quilômetro quadrado, e, pelas imagens de satélite, consegue identificar casas, prédios e ruas, facilitando o trabalho de ativistas.

Pernambuco será 1º Estado brasileiro a consumir energia solar em escala – “Folha de S. Paulo” – 03/05/2015

Pernambuco será o primeiro Estado brasileiro a consumir energia solar em larga escala. O fornecimento deve começar a partir de novembro deste ano. A italiana EGP (Enel Green Power) assinou na semana passada o primeiro contrato no país com o poder público para fornecimento comercial desse tipo de energia. A usina solar da empresa tem custo estimado de US$ 18 milhões (R$ 54 milhões) e está em construção em Tacaratu (a 453 km do Recife), no sertão pernambucano. A cidade foi escolhida por ter irradiação solar propícia e ser o local onde a empresa já mantém uma usina eólica em operação, o que reduz os custos, pois será usada a mesma linha de transmissão.

“Feed Truck” serve refeições a moradores de rua – “Vila Mulher” – 03/05/2015

Aproximadamente 40 mil toneladas de alimentos são desperdiçados por dia, uma quantidade que poderia alimentar praticamente 20 milhões de pessoas diariamente só no Brasil. São dados da Embrapa, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Através desses dados, a agência África Rio, em parceria com a ONG Make Them Smile e a empresa sobre rodas Truckvan para criar o projeto ‘Feed Truck’, que ao invés de Food Truck comum, recolhe alimentos que seriam desperdiçados em restaurantes e transforma em novas refeições, servidas a moradores de rua todas as noites. Só no primeiro mês de experimentação do projeto, a ação serviu duas mil “quentinhas” , reaproveitando mais de uma tonelada de alimentos e beneficiando mais de 400 moradores de rua.

Pesquisa do Idec alerta para o consumo excessivo de bebidas light, zero ou diet – “Mundo Sustentável” – 04/05/2015

Na sua geladeira ou em seu armário há produtos light, diet ou zero? Você acha que esses alimentos são mais saudáveis? Se você respondeu sim a uma dessas perguntas, cuidado! Os edulcorantes (ou adoçantes) usados para dar sabor doce a alimentos e bebidas no lugar do açúcar também podem apresentar risco à saúde. “Apesar de haver limites máximos de ingestão permitidos, os estudos sobre edulcorantes e outros aditivos ainda são escassos. Sabemos que, se ingeridos em grande quantidade, podem aumentar o risco de desenvolvimento de câncer, prejudicar o feto durante a gravidez e causar aumento de peso”, alerta Ana Paula Bortoletto, nutricionista do Idec. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Alimentos para Fins Especiais e Congêneres (Abiad), em 35% dos lares brasileiros consome-se algum tipo de produto dietético. “Refrigerantes estão entre os produtos mais consumidos na versão com menos açúcar”, destaca Maria Eugênia Gutheil, consultora de nutrição da Abiad.

Japão planeja cortar em 26% suas emissões de gases-estufa até 2030 – “Globo.com” – 04/05/2015

O Japão estuda reduzir em 26% as emissões de gases-estufa até 2030, pensando em um acordo internacional que será firmado na conferência sobre o clima de dezembro, em Paris, anunciou o governo. A meta, proposta por uma comissão de especialistas, é superior ao que já havia sido citado, uma redução de 21,9% das emissões entre 2013 e 2030. Segundo a agência de notícias France Presse, o número de 26% não é definitivo e será debatido durante um mês. A imprensa considera provável que o primeiro-ministro Shinzo Abe anuncie oficialmente a meta durante a reunião de cúpula do G7 na Alemanha, no fim de junho.

Especialistas tentam regulamentar produtos tóxicos e dejetos eletrônicos – “Terra.com” – 05/05/2015

Cerca de 1.500 especialistas de mais de 180 países tentam regulamentar produtos químicos e resíduos perigosos, como o amianto, pesticidas e lixo eletrônico em uma conferência internacional iniciada nesta segunda-feira em Genebra. Esta reunião, que se encerra em 15 de maio, reúne representantes dos Estados membros de três convenções que administram este setor: a de Estocolmo sobre poluentes orgânicos persistentes, a de Roterdã sobre o comércio de produtos químicos perigosos e a de Basileia sobre o controle dos movimentos transfronteiriços de resíduos perigosos.

Para encorajar adoção, hotel coloca cães de abrigo para receber hóspedes – “Globo.com” – 05/05/2015

Hóspedes de um hotel na Carolina do Norte (EUA) têm sido recebidos de uma forma inesperada ao fazer o check-in: um cãozinho sai de trás do balcão e aparece para brincar com eles. Vestindo uma roupa amarela com os dizeres “Adopt me” (me adote), os cachorros pertencem a um abrigo da cidade de Asheville, onde fica o estabelecimento. A iniciativa é uma parceria desse abrigo com o hotel Aloft Asheville Downtown e pretende sensibilizar as pessoas para a adoção de animais abandonados. Segundo a administração do hotel, a resposta dos hóspedes tem sido positiva e, de agosto do ano passado (quando o projeto foi lançado) até março deste ano, 20 cães foram adotados. A meta é que até o fim de 2015 eles tenham conseguido dar um lar para 100 animais.

Governo debate desenvolvimento sustentável – “Ministério do Meio Ambiente” – 05/05/2015

Realizada desde segunda-feira (4/5), no Palácio do Planalto, a terceira edição da oficina “Diálogos sobre a Agenda pós-2015”, destinada a gestores internacionais dos governos federal, estaduais e municipais, terminou nesta terça-feira (5/4), com ampla discussão sobre a nova agenda global de desenvolvimento sustentável. A atividade fez um chamado aos estados e aos municípios para ampliarem a participação na definição de um modelo inovador de desenvolvimento, que está em negociação na Organização das Nações Unidas (ONU). Assunto da primeira mesa da oficina, a III Conferência sobre o Financiamento ao Desenvolvimento, que ocorrerá no mês de julho, em Adis Abeba (Etiópia), definirá as fontes de financiamento para pôr em prática a agenda pós-2015.

Mudança climática ameaça grandes projetos na China, aponta estudo oficial – “Terra.com” – 05/05/2015

A mudança climática ameaça grandes projetos na China, como a represa das Três Gargantas e a maior transposição do mundo, com a qual Pequim trata de levar água desde o úmido sul até o seco norte. Assim explicou Zheng Guoguang, diretor da Administração chinesa de Meteorologia, com base em um estudo oficial publicado recentemente, informa nesta terça-feira a agência oficial “Xinhua”. Segundo o especialista, a temperatura média da superfície da China subiu 1,38 graus nos últimos 60 anos, ou 0,23 graus a cada década, quase o dobro do “nível global”.

Vacina contra meningite B chega ao Brasil; dose custará a partir de R$ 340 – “Globo.com” – 05/05/2015

A farmacêutica GSK lança nesta terça-feira (5) no Brasil uma nova vacina para prevenir a meningite bacteriana tipo B, imunização ainda não realizada na rede pública para combater o subtipo da doença. Aprovada em janeiro pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a vacina chamada de Bexsero já é oferecida pela companhia nos Estados Unidos e na Europa. Desenvolvida a partir de 1995, a medicação é recomendada principalmente para crianças com até 1 ano. Segundo a GSK, cada dose será oferecida às clínicas por R$ 340, mas o preço pode variar entre os estados brasileiros devido à tributação.

Concentração de CO2 na atmosfera bate recorde e preocupa, diz agência – “Globo.com” – 06/05/2015

Cientistas do governo dos Estados Unidos indicaram nesta quarta-feira (6) que as concentrações globais de dióxido de carbono (CO2) atingiram um recorde de média global de 400 partes por milhão no mês de março. Em grandes quantidades, o CO2 é um poderoso e perigoso gás-estufa, resultado das atividades humanas como a combustão de combustíveis fósseis (carvão e petróleo), e desmatamento. “Pela primeira vez desde que medimos a concentração de dióxido de carbono na atmosfera global, a concentração mensal deste gás de efeito estufa ultrapassou 400 partes por milhão (ppm) em março de 2015”, informou a Agência Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA).

Papa Francisco aprofunda discussão sobre clima, em encontro no Vaticano – “Planeta Sustentável” – 06/05/2015

O Papa Francisco tem surpreendido o mundo com seu discurso progressista sobre uma série de questões controvertidas, como sexualidade, contracepção, aborto e as distorções do capitalismo, ou o desperdício de alimentos e a fome no mundo. Mas, desde o começo de seu pontificado, mostrou preocupação enfática com a natureza e a mudança do clima. Na homilia da missa inaugural de seu pontificado, em março de 2013, reiterou o exemplo de São Francisco de Assis, de proteção da natureza como dever sagrado. No final do ano seguinte, enviou mensagem clara aos participantes da Conferência do Clima da ONU em Lima, no Peru, a COP20: “O tempo para encontrar soluções globais e está se esgotando. Só poderemos achar soluções adequadas se atuarmos juntos. Existe, portanto, uma clara, definitiva e inadiável ética de atuar”, asseverou o pontífice.

Carta pede a Dilma veto ao projeto de lei da biodiversidade – “WWF” – 07/05/2015

Organizações e movimentos sociais ligados à proteção dos direitos de povos indígenas e comunidades tradicionais protocolaram nesta quarta-feira (6/5) uma carta à presidente Dilma pedindo veto total ou parcial ao projeto de lei da biodiversidade (PL) 7735/2014. A carta leva a assinatura de 150 entidades civis, incluindo o WWF-Brasil (Conheça o documento no link ao lado). O principal argumento é que camponeses, pequenos agricultores, povos e comunidades locais foram excluídos do debate que os interessa diretamente, e que vários artigos da lei restringem seus direitos garantidos em acordos internacionais e mesmo na Constituição Federal. Esses povos e comunidades são responsáveis por extensas áreas naturais, ricas em biodiversidade. É o caso de indígenas, extrativistas, quilombolas. Eles também são guardiões de espécies crioulas de larga utilização agrícola.

Conta de água vai subir – “IHU” – 08/05/2015

Na manhã de terça-feira (5), o estado de São Paulo acordou com mais uma novidade perturbadora. A Sabesp(Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) irá aumentar a conta de água da população em 15,24% a partir de junho. A Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo) aprovou o aumento da tarifa segunda-feira à noite. A reportagem é de Juliana Guarexick, publicada pelo sítio Greenpeace Brasil e reproduzido pelo portal Envolverde, 06-05-2015. No sábado, Pedro Telles, da Campanha de Clima e Energia do Greenpeace, em artigo na UOL, alertou sobre a preocupante gestão atual da Sabesp, que aumenta a tarifa para os paulistas, e continua a dar descontos para grandes consumidores e empresas que gastam mais de 500 mil litros de água por mês. A companhia de saneamento e abastecimento de água alega prejuízos com a crise hídrica, mas ainda insiste em manter descontos para grandes empresas – deixando de receber R$140 milhões por ano devido a disso.

SP terá que compensar suas emissões – “Envolverde” – 08/05/2015

O projeto de lei (PL) 167/2015 já está em tramitação no legislativo da cidade de São Paulo. A ideia partiu de diversas organizações com atuação destacada no cenário ambiental paulista e brasileiro, entre elas, Iniciativa Verde, S.O.S. Mata Atlântica, Imaflora e Águas Claras do Rio Pinheiros. O esboço do projeto de lei foi apresentado em 2014 à Frente Parlamentar da Sustentabilidade, presidida na ocasião pelo vereador Ricardo Young – o autor do projeto em discussão na Câmara Municipal de São Paulo. Para Young, a lei cumpre um papel importante, “os grandes eventos produzem uma quantidade significativa de resíduos e geram emissões também volumosas. Com a queda da inspeção veicular, é ainda mais urgente a mitigação dessas emissões para diminuir a pegada ecológica da cidade”.

Cerrado ganha centro de pesquisa em Brasília – “Ministério do Meio Ambiente” – 08/05/2015

Brasília ganhará importante espaço dedicado à pesquisa e conservação do Cerrado. O centro de excelência de estudos sobre o bioma será inaugurado no dia 11 de setembro, quando se comemora o Dia Nacional do Cerrado, dentro da área da Estação Ecológica Jardim Botânico de Brasília (EEJBB) e é fruto de uma parceria entre a instituição e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), vinculado ao Ministério do Meio Ambiente, Universidade de Brasília (UnB) e outros órgãos ligados à conservação e recuperação da diversidade biológica do bioma.

Aquecimento global vai acelerar extinção de espécies em até três vezes – “UOL” – 08/05/2015

As mudanças climáticas podem acabar com até uma em cada seis espécies de animais e plantas do planeta, de acordo com uma nova pesquisa. Em um estudo publicado no jornal Science, Mark Urban, ecologista da Universidade de Connecticut, também descobriu que, à medida que o planeta esquenta, no futuro, as espécies vão desaparecer em um ritmo mais acelerado. “Temos a opção. O mundo pode decidir em que lugar dessa curva queremos que a Terra esteja no futuro”, avisou ele em uma entrevista. Apesar das conclusões aterrorizantes de Urban, outros especialistas dizem que a verdade é capaz de ser ainda pior. O número de extinções “pode ser duas a três vezes maior”, avisa John J. Wiens, biólogo evolucionário da Universidade do Arizona.

Membro do governo da Austrália diz que ONU usa clima para ganhar poder – “Globo.com” – 09/05/2015

O principal assessor econômico do primeiro-ministro australiano Tony Abbott afirmou em um artigo publicado nesta sexta-feira que a ONU usa os dados sobre as mudanças climáticas para consolidar seu poder em nível internacional. “A mudança climática é a isca” para obter o verdadeiro objetivo da ONU, que é “concentrar a autoridade política”, declarou Maurice Newman, presidente do conselho consultivo do primeiro-ministro, em um artigo publicado no jornal The Australian. “É um segredo bem guardado, mas que foi descoberto, depois de quase duas décadas de estagnação da temperatura, que 95% dos modelos climáticos que demonstram a relação entre as emissões humanas de CO2 e a mudança climática estão errados”, escreveu ele, sem fornecer mais detalhes.

UE e a FAO pedem que agricultores estejam em plano contra mudança climática – “Terra.com” – 09/05/2015

Representantes da União Europeia (UE) e da Organização da ONU para a Alimentação e a Agricultura (FAO) pediram nesta sexta-feira que a mudança climática seja combatida de maneira global e sem excluir os agricultores desse processo. Em um ato realizado em Roma, ambas as partes se comprometeram a seguir trabalhando para conseguir um acordo entre todos os países na cúpula climática das Nações Unidas prevista em Paris no final deste ano com o objetivo de reduzir as emissões de gases do efeito estufa e limitar o aquecimento global a um máximo de dois graus centígrados.

Pesquisadores brasileiros inventam plástico comestível feito de frutas – “UOL” – 09/05/2015

Pesquisadores da Embrapa Instrumentação, de São Carlos (SP), desenvolveram uma série de películas comestíveis que funcionam como plástico. Os sabores incluem espinafre, mamão, goiaba e tomate, mas a técnica permite que outros sabores sejam desenvolvidos. O trabalho recebeu financiamento de R$ 200 mil e o material, além de ser biodegradável, pode ser utilizado no preparo dos alimentos. Dessa forma, uma pizza que esteja embalada com o material pode ir ao forno diretamente, assim como outros alimentos. A película pode, inclusive, ser utilizada como parte do tempero. A matéria-prima é composta por água, polpa de fruta e carboidratos vegetais.

Instituto Butantan recebe maior evento de observação de aves da América Latina – “FAPESP” – 09/05/2015

O Instituto Butantan receberá, entre os dias 15 e 17 de maio de 2015, o 10º Encontro Brasileiro de Observação de Aves – Avistar Brasil 2015. Trata-se da maior feira de observação de aves da América Latina, com uma programação gratuita que inclui exposições, shows, palestras, oficinas e lançamentos de livros, entre outras atividades. Em uma tenda de mais de 1mil m², além de auditórios e espaços ao ar livre por todo o parque, a feira terá quatro mostras, sendo uma de Luiz Cláudio Marigo, falecido em 2014 e considerado um dos maiores fotógrafos de natureza no Brasil, quatro pocket shows, mais de 70 palestras em dois auditórios, lançamentos de livros e sessão de autógrafos. Food trucks estarão espalhados pelo parque durante todo o evento.

Artista é multado por tingir gêiser de rosa na Islândia – “BBC” – 10/05/2015

Marco Evaristti, que nasceu no Chile, mas mora na Dinamarca, recusou-se, no entanto, a pagar a quantia. Ele deixou o país no último domingo sem objeção da polícia, informou a edição eletrônica do jornal local Morgunbladid. Criticado por ambientalistas, ele defendeu seu trabalho, alegando que o corante usado para colorir a nascente termal de rosa era “inofensivo”. Evaristti, no entanto, disse entender que muitas pessoas que o criticaram queriam mostrar “sua preocupação, cuidado e amor pela natureza”. Segundo ele, o trabalho faz parte de um projeto de longo prazo, no qual pretende, entre outras coisas, tingir uma duna do deserto do Saara e uma ovelha. Também de rosa. Nos últimos dias, Evaristti foi alvo de duras críticas nas redes sociais. Usuários acusaram o artista de arrogância e desrespeito pela Islândia.

UNCDD premia projetos de combate à seca – “Ministério do Meio Ambiente” – 10/05/2015

O programa Dryland Champions, promovido pela Convenção das Nações Unidas de Combate à Desertificação (UNCCD, sigla em inglês) receberá, até o próximo dia 15, inscrições de projetos que combatam a degradação do solo e a desertificação no Brasil. Os interessados devem enviar o formulário de inscrição para o endereço drylandchampionsbrasil@gmail.com. Sob o lema “Eu sou parte da solução”, a iniciativa destaca pessoas, organizações e empresas que contribuam para o manejo sustentável da terra, melhorando as condições de vida das populações e as condições dos ecossistemas afetados pela desertificação e seca.

Recuperação de pastos pode melhorar Cantareira – “Envolverde” – 11/05/2015

Pesquisa da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) mostra que a existência de água no Sistema Cantareira depende diretamente da recuperação de áreas de pastagens no local. Segundo o autor da pesquisa, Oscar Sarcinelli, paisagens cobertas por vegetação têm maior capacidade de proteger o solo contra o impacto da chuva. “O objetivo da pesquisa foi analisar medidas direcionadas à conservação da água na região do Sistema Cantareira”, explicou Sarcinelli. “Há várias propostas: recuperar as matas ciliares, construir novos reservatórios, fazer transposição dos reservatórios do rio Paraíba do Sul para o Cantareira”, disse ao referir-se às propostas que exigem muito dinheiro e tempo. Os pastos são uma realidade da região e, por isso, sua melhoria foi uma das alternativas estudadas por ele.

Himalaias ‘encolhem’ após terremoto no Nepal – “BBC” – 11/05/2015

Eles alertam, no entanto, que a mudança ainda tem que ser confirmada por pesquisas na área, dados aéreos ou dados de GPS. “O trecho principal que teve sua altura reduzida é um trecho de 80-100 km do Langtang Himal (a noroeste da capital, Katmandu)”, disse Richard Briggs, geólogo do Serviço Geológico dos Estados Unidos. Langtang é uma região onde muitos moradores e montanhistas estão desaparecidos, possivelmente mortos, após as avalanches e deslizamentos de terra desencadeados pelo terremoto de magnitude 7,8 em 25 de abril, que deixou mais de 6 mil mortos.

PNUMA alerta sobre risco do lixo eletrônico e uso indiscriminado de produtos químicos – “ONU BR” – 11/05/2015

O chefe do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), Achim Steiner, salientou na última segunda-feira (04) a necessidade de limitar a utilização de produtos químicos perigosos e de encontrar uma solução para a massa de lixo eletrônico que se acumula por todo o mundo. O diretor participa da Conferência das Partes sobre as três principais convenções sobre o tema, que acontece em Genebra. Aos jornalistas, Steiner mostrou sua preocupação com o “tsunami de lixo eletrônico” que invade o mundo. Esta “montanha de resíduos” não só representa uma grande parcela de produtos não-recicláveis, mas também apresenta perigos para a população e para o meio ambiente.

Pernambuco tem primeiro dessalinizador solar coletivo da América Latina – “UOL” – 11/05/2015

Situado na região agreste central de Pernambuco, Riacho das Almas (a 137 km do Recife), cidade de cerca 20 mil habitantes, sofre com a estiagem mais longa dos últimos 50 anos no Nordeste. No sítio Camurim, onde residem 60 famílias, a comunidade recebeu o primeiro dessalinizador de água movido a energia solar da América Latina. Com mananciais secos, antes da instalação do equipamento, a comunidade tinha apenas água fornecida por meio de carros-pipa ou por sistema armazenamento de água da chuva em cisternas. O dessalinizador entrou em funcionamento no último dia 11. O equipamento custou R$ 78 mil, mas com o processo de instalação saiu por R$ 118 mil.

Megaprojetos podem sepultar reputações – “Envolverde” – 12/05/2015

Os megaprojetos são apostas de alto riso. Podem consagrar o governante que os impulsionou, mas também pode colocar a perder sua imagem e até seu poder, e no caso do Brasil a balança se inclina perigosamente para o negativo. Isso acontece em detrimento da imagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2011) e de sua sucessora Dilma Rousseff, ambos do PT, ao agigantar-se o escândalo dos subornos na Petrobras, que estouro em 2014. A companhia admitiu em seu balanço do ano passado que as perdas por corrupção somaram R$ 6,194 bilhões, equivalente a US$ 2,060 bilhões ao câmbio atual, muito mais antes, com o real valorizado em relação ao dólar.

Nível do mar está aumentando mais rapidamente, diz estudo – “Globo.com” – 12/05/2015

A elevação do nível do mar em todo o mundo acelerou ao longo da última década, ao contrário do que indicavam estimativas anteriores – é o que aponta um estudo publicado nesta segunda-feira (11) pela revista “Nature Climate Change”. Estudos precedentes baseados em dados de satélite mostraram que a alta do nível dos oceanos nos últimos dez anos tinha desacelerado com relação à década anterior. Mas eles não incluíam possíveis imprecisões dos instrumentos utilizados, que não levavam em conta especialmente o movimento vertical da Terra para o cálculo do nível do mar. O movimento vertical da Terra é um movimento ascendente natural da superfície terrestre, o que pode ocorrer, por exemplo, durante tremores ou acomodação de terra.

AgroBrasília começa nesta terça com previsão de redução nos negócios – “Globo.com” – 12/05/2015

O Distrito Federal sedia a partir desta terça-feira (12) a feira agropecuária AgroBrasília – Feira Internacional dos Cerrados no Parque Tecnológico Ivaldo Cenci, no km 5 da BR-251, no Paranoá. O evento vai até sábado (16). Os organizadores preevem uma queda de cerca de 20% nos negócios na edição deste ano. Segundo um dos organizadores da AgroBrasília, Ronaldo Triaca, são esperadas 100 mil pessoas nos cinco dias de feira e uma movimentação de cerca de R$ 550 milhões em negócios. No ano passado, o público foi de 95 mil visitantes e R$ 700 milhões comercializados.

Especialistas denunciam atraso e falhas na gestão da OMS sobre o Ebola – “Yahoo” – 12/05/2015

Um grupo de especialistas independentes com mandato da ONU denuncia em um relatório o atraso e as falhas da Organização Mundial da Saúde (OMS) na gestão da “epidemia sem precedentes” de Ebola. O grupo “continua sem entender por quê os alertas precoces feitos entre maio e junho de 2014 não receberam uma resposta séria e adequada”, afirma o documento, divulgado nesta segunda-feira em uma versão preliminar. O texto final será publicado em meados de junho. A OMS só declarou estado de urgência mundial pelo Ebola em 8 de agosto. A epidemia afetou 26.000 pessoas e matou quase 11.000, essencialmente na Guiné, Libéria e Serra Leoa.

Banco Mundial traça rota rumo às “zero emissões” de CO2 – “Correio Braziliense” – 12/05/2015

Políticas de longo prazo para o clima, os preços do carbono e medidas para facilitar a transição energética dos mais pobres: estes três passos são considerados essenciais pelo Banco Mundial para atingir zero emissões de gases de efeito estufa até 2100 e “estabilizar o clima”. “É importante reestruturar a economia global se quisermos atingir zero emissões (de gases de efeito estufa) líquidas antes do final deste século”, afirmou Rachel Kyte, vice-presidente do Banco Mundial (BM), por ocasião do lançamento nesta segunda-feira do relatório intitulado “Descarbonizar o desenvolvimento: três passos para um futuro livre de carbono”. “As prioridades do BM hoje são ditadas pela meta de descarbonização total no longo prazo”, acrescentou Stéphane Hallegatte, economista sênior da instituição, durante a apresentação do relatório em Paris.

Governo do RS homologa decreto de emergência de 8 cidades por estiagem – “Globo.com” – 13/05/2015

Os municípios de Morro Redondo, Arroio Grande e Pedro Osório, no Sul do Rio Grande do Sul, tiveram o decreto de emergência devido à estiagem homologado pela Defesa Civil, conforme publicado no Diário Oficial do estado desta segunda-feira (11). Das 15 prefeituras que fizeram o decreto, oito já têm a situação oficialmente reconhecida pelo órgão do Piratini. Segundo o governo estadual, a primeira cidade a ter o decreto homologado foi Herval, que recebeu 100 caixas de água da Divisão de Assistência às Comunidades Atingidas. A Defesa Civil estima que Jaguarão e Pedras Altas recebam donativos nesta quinta-feira (14). Em relação aos municípios que ainda não tiveram a situação reconhecida, é aguardada a complementação de dados no sistema.

Sergipe decreta situação de emergência em municípios afetados por falta d’água – “EBC” – 13/05/2015

Diário Oficial de Sergipe publicou hoje o decreto de situação de emergência nos municípios afetados pelo desabastecimento de água. No último sábado (9), uma ponte sobre o Rio Sergipe, por onde passam duas adutoras que abastem a região metropolitana de Aracaju e os municípios de Laranjeiras e Maruim, desabou e feriu quatro pessoas. Com o decreto, a Secretaria da Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano (Seinfra) e a Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) ficam autorizadas a contratar serviços de forma emergencial, o que já vem sendo feito para a construção de uma nova adutora e para garantir o abastecimento da população dos municípios. Estima-se que cerca de 1 milhão de pessoas tenham sido afetadas pela falta d’água.




Também nessa Edição nº: 191
Entrevista: Mirian Mesquita
Artigo: Consumo Consciente: Uma prática inevitável para a sobrevivência da humanidade
Notícia: O Nepal precisa da sua ajuda
Notícia: Concurso de monografias da ArcelorMittal Tubarão distribuirá R$ 30 mil em prêmios para alunos de Graduação e de Pós-Graduação
Notícia: VLI promove projeto “Trilhos Culturais - Jovens Multiplicadores”
Notícia: Fundação Itaú Social lança edital de apoio aos Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente
Oferta de Trabalho: Oportunidades de Trabalho