Cynthia Ribeiro, Jornalista

Jornalista formada pela Universidade Católica de Brasília, com especialização em administração e gestão de projetos sociais, pela Universidade Veiga de Almeida. Escreveu e editou o Responsabilidade Social.com de 2007 a 2014.

Stuart Hart

1763-thumb-phpRBrCPA

A concepção de produtos e mercados inclusivos, que incorporam, como parte de seus processos, tecnologias limpas, inovadoras e momentos de criação coletiva entre os mais diversos grupos de stakeholders, é um desafio complexo discutido pelo economista e professor da Escola de Administração de Cornell (EUA), Stuart Hart, uma das maiores referências mundiais em estratégias empresariais para as populações de baixa renda.

Christiane Michaela Balluff

1755-thumb-php1RhhGH

A gerente de Relações Institucionais do Demarest Advogados, Christiane Michaela Balluff, fala sobre a política socioambiental da empresa. Considerada um dos maiores e mais conceituados escritórios de advocacia da América Latina, a instituição realiza ações socioambientais mensais que conscientizam e motivam o engajamento dos colaboradores.

Conquista do povo brasileiro

Conquista do povo brasileiro

Entrou em vigor, no dia 29 de janeiro, a Lei Nº 12.846/2013, mais conhecida como Lei Anticorrupção. A norma prevê que empresas e pessoas jurídicas respondam civil e administrativamente quando seus empregados ou representantes forem acusados de envolvimento com a corrupção de agentes públicos, de fraude em licitações ou de dificultar investigações.

Estratégias do Brasil para as negociações sobre o clima

1756-thumb-phpmJ18QN

Ante o impasse entre as nações desenvolvidas e as emergentes e em desenvolvimento na Conferência da ONU sobre o Clima (COP-19), recentemente realizada em Varsóvia, na Polônia, o Comitê de Mudanças Climáticas da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) entende não ser razoável que o Brasil indique metas antes de ter alguma clareza sobre os compromissos que os países ricos estão dispostos a negociar. Afinal, já antecipamos algumas ações e temos nos mostrado flexíveis.

Ater Cristófoli

1758-thumb-php7iWgVB

O presidente do Observatório Social do Brasil, Ater Cristófoli, fala sobre a rede de ONGs que apostam na prevenção para combater a corrupção. Atualmente, mais de 70 cidades de 14 Estados do País contam com unidades, que primam pelo trabalho técnico, fazendo uso de uma metodologia de monitoramento das compras públicas em nível municipal, desde a publicação do edital de licitação até o acompanhamento da entrega do produto ou serviço. O objetivo é agir preventivamente no controle social dos gastos públicos. Com base nas irregularidades detectadas, a rede calcula ter conseguido em 2013 uma economia total de R$ 305 milhões para os cofres públicos.